Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Samambaia > Projeto Máquina Corta-Vidros Sustentável é pauta no programa Cidades Sustentáveis da CBN
Início do conteúdo da página

Projeto Máquina Corta-Vidros Sustentável é pauta no programa Cidades Sustentáveis da CBN

Criado: Quarta, 24 de Outubro de 2018, 08h44 | Publicado: Quinta, 25 de Outubro de 2018, 10h42 | Última atualização em Quinta, 25 de Outubro de 2018, 10h45 | Acessos: 659

A coordenação do curso técnico em Controle Ambiental do  IFB apresentou o projeto "Máquina Corta Vidros Sustentável" no programa da CBN - Cidades Sustentáveis, com entrevista dada pela professora Regina Kikushi. Conheça informações sobre mais um  projeto do Campus Samambaia.

Atualmente, há pouco reaproveitamento do resíduo vidro e, pensando nisso, o Instituto Federal de Brasília (IFB) desenvolveu o projeto Máquina Corta-Vidros. Frasco de azeite, perecíveis e garrafas de cerveja são transformados em novos objetos. O objetivo do projeto é reaproveitar o vidro para produção de canecas, taças, xícaras, abajur, entre outros, na mesma máquina, de acordo com diferentes tipos de vidros e extensões.

Como em Brasília não há empresas de reciclagem ou derretimento de vidros, o volume de vidro é crescente na cidade a maioria desses resíduos é transformada apenas no Rio de Janeiro e em São Paulo. O IFB pretende contribuir com a destinação adequada do vidro, hoje encontrado misturado no lixo.

Os estudantes do IFB estão envolvidos no projeto desde a projeção para desenvolvimento da máquina até o recolhimento de vidros para a produção de novos objetos. São realizadas oficinas para dar uma destinação adequada ao material. 

A máquina desenvolvida pelo IFB foi feita totalmente com resíduos, como paletes, resistência de forno e motor de prata de microondas. Ainda em aperfeiçoamento, a máquina tem estrutura ampla para várias aplicações.

O projeto envolve as áreas de ensino de Controle Ambiental, Produção Moveleira e Edificações, sempre em busca de soluções sustentáveis para a sociedade e para o campus em Samambaia.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página