Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Brasília > Docentes do Campus Brasília publicam capítulo em livro lançado nesta terça-feira
Início do conteúdo da página

Docentes do Campus Brasília publicam capítulo em livro lançado nesta terça-feira

Criado: Segunda, 11 de Março de 2019, 13h07 | Publicado: Segunda, 11 de Março de 2019, 13h07 | Última atualização em Segunda, 11 de Março de 2019, 14h40 | Acessos: 320

Será lançado, nesta terça-feira (12), o livro “Internet e Direitos Humanos no Brasil: cenários e perspectivas”, o qual possui um capítulo de autoria das docentes do Campus Brasília Cristiane Bonfim e Jaline Mombach, escrito juntamente com a aluna Alane Nóbrega, do curso Técnico em Desenvolvimento de Sistemas.

O lançamento ocorre nesta terça, às 19h, no Martinica Café, que fica localizado na Asa Norte. A obra pretende responder questões sobre como o Estado e a Sociedade podem enfrentar a violência on-line, as possibilidades de ação preventiva por meio da educação, de que forma a legislação pode acompanhar as mudanças tecnológicas e enfrentar os crimes na Rede e quais políticas públicas devem ser implementadas para tornar a Internet um espaço mais seguro.

A publicação é uma realização do Grupo de Pesquisa Internet e Direitos Humanos, do Laboratório de Políticas de Comunicação do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade de Brasília (UNB), do projeto Escola de App, da Universidade de Brasília e da FAC Livros. Conta ainda com a parceria da Universidade Católica de Brasília, do Instituto Federal de Brasília e da Secretaria da Mulher da Câmara dos Deputados.

O capítulo do IFB é resultado da participação no projetoEscola de App” (Escola de App: enfrentando a violência on-line contra meninas)coordenado pela professora Janara Sousa, da Faculdade de Comunicação da Unb, considerando a trajetória das docentes em pesquisas aplicadas ao desenvolvimento de ferramentas educacionais digitais no âmbito do IFB.

No projeto, as professoras e a aluna do Campus Brasília atuaram no ensino de Desenvolvimento de Aplicativos utilizando a metodologia Design participativo para as alunas selecionadas pelo projeto Escola de App, em 3 escolas de Ensino Médio do GDF, nas regiões Administrativas do Plano Piloto, Recanto das Emas e Paranoá, em 2018.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página