Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Portuguese Portuguese
pt Portugueseen Englishes Spanish
Página inicial > Brasília > Projeto de pesquisa sobre Scratch é apresentado na Escola Classe 304N
Início do conteúdo da página

Projeto de pesquisa sobre Scratch é apresentado na Escola Classe 304N

Criado: Terça, 23 de Novembro de 2021, 17h56 | Publicado: Terça, 23 de Novembro de 2021, 17h56 | Última atualização em Terça, 23 de Novembro de 2021, 17h58 | Acessos: 253

 Um projeto de pesquisa do IFB Campus Brasília apoiado pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Cientifica (PIBIC) teve seus resultados apresentados no sábado, 20 de novembro, no evento Multiculturando.  Através de uma parceria com a Secretaria de Educação do Distrito Federal a proposta foi aplicada com uma turma de estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental da Escola Classe 304 Norte.

 

O projeto teve o objetivo de desenvolver vivências de curta duração alinhadas com o  currículo escolar e voltadas ao pensamento computacional para estudantes do ensino fundamental por meio de uso da Plataforma Scratch.

 A pesquisa se desenvolveu durante os meses de setembro/2020 a novembro/2021 com a coordenação da professora Valéria Ramos, envolvendo os estudantes do Ensino Médio Integrado do Curso Técnico de Informática do IFB Campus Brasília Luísa de Souza Ferreira e Arthur Lucas Versiani como bolsistas do PIBIC-EMI.

 

As atividades iniciaram ainda no período de isolamento social, em razão da pandemia da Covid-19, para a capacitação dos estudantes do ensino fundamental por meio de cursos on-line e gratuitos a fim de promover o conhecimento sobre Pensamento Computacional (PC) e a Plataforma Scratch.

 

Foram contemplaram os conteúdos de História, Matemática e Língua Portuguesa, trabalhados a partir da criação de personagens, cenários, movimentos, narrativas e diálogos com balões de fala, semelhantes a história em quadrinhos, o que possibilitou a integração das disciplinas e o aperfeiçoamento do conhecimento em lógica de programação, componente abordada no curso EMI Informática.

 

Os estudantes do IFB organizaram as atividades instrumentais do projeto na plataforma Scratch, o que permitiu promover a autonomia destes, desde o planejamento, a elaboração da sequência didática - que contou com a contribuição de um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet das autoras Larissa Duarte e Marcela Silva - e a condução de cada oficina, sob orientação das professoras do IFB/Campus Brasília Eixo de Informação e Comunicação, Sylvana Karla e Cristiane Bonfim e da professora da turma Valéria  Ramos.

 

Ao final do projeto foi possível alcançar o objetivo, com o aprimoramento dos estudantes no Plano de Curso associado à Plataforma Scratch, relacionar os conteúdos da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e proporcionar a aprendizagem na resolução de problemas diários. O projeto também gerou outras produções, com apresentação e publicação em eventos científicos organizados pelo IFB, como JEPE/2020 e SP10, além de promover a experiência na escrita científica pelos com artigos publicados em eventos da Sociedade Brasileira de Computação (SBC).  Encontra-se em produção uma cartilha orientativa para permitir a reprodução das vivências por outras professoras e escolas interessadas.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página