Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Portuguese Portuguese
pt Portugueseen Englishes Spanish
Página inicial > Ceilândia > Egressa da especialização em Segurança Pública divulga trabalho em evento internacional
Início do conteúdo da página

Egressa da especialização em Segurança Pública divulga trabalho em evento internacional

Criado: Terça, 23 de Novembro de 2021, 16h02 | Publicado: Terça, 23 de Novembro de 2021, 16h02 | Última atualização em Terça, 23 de Novembro de 2021, 16h35 | Acessos: 114

A egressa do IFB Campus Ceilândia do Curso de Segurança Pública com ênfase em formação de tutores preceptores em pesquisa para o Distrito Federal e Entorno, Aline Cabral Costa Andrade apresentará o trabalho intitulado “Sustentabilidade e tecnologia: um estudo sobre tecnologia da informação verde na Polícia Civil do Distrito Federal” no 1º Seminário Internacional de Editores e Pesquisadores na área de Segurança Pública, que acontecerá de 24 a 26 de novembro. 

A “Tecnologia da Informação Verde”, em linhas gerais, é o uso sustentável da tecnologia. O artigo foi desenvolvido como pré-requisito para formação como especialista em Segurança Pública, curso que é fruto da parceria da Escola Superior de Polícia Civil do Distrito Federal (ESPC/DF), com o Instituto Federal de Brasília -(IFB/Campus Ceilândia) e a Universidade do Distrito Federal - UnDF.

Na avaliação do coordenador do Curso de Especilização em Segurança Pública, Prof. André Luiz de Brito Alves, este trabalho expressa o estabelecimento dos esforços na formação do Policial Civil no DF. "Além disso, este, já trouxe mudanças para realidade da instituição, dado que influenciou um realinhamento institucional com a interseção da agenda ambiental com o plano estratégico organizacional", disse.  A coordenação-geral do curso enfatiza que “esta obra significa a saída extramuros de um acadêmico para o mundo do trabalho na polícia Civil do DF”.

Para a agente de Polícia e especialista em Segurança Pública Aline Andrade “é importante ressaltar que a tecnologia da informação Verde não tem um conceito unívoco na doutrina e são muito poucos estudos na área e nas organizações policiais são menos ainda”. 

O objetivo do estudo foi diagnosticar a realidade empírica da organização a partir de entrevistas semi-estruturadas realizadas no âmbito da PCDF. Após a aplicação das entrevistas as respostas foram concentradas em categorias, as quais serão apresentas no Seminário no Senado Federal.

Aline ressalta que ainda há barreiras atitudinais em relação à tecnologia da informação verde. Destaca ser importante que percebamos essa questão ambiental, pois ela é aliada ao desempenho econômico e uma verdadeira questão estratégica no sentido de garantir uma responsabilidade social ambiental e econômica por parte da instituição.

A pesquisa pode ser considerada um avanço devido à escassez de informação científica, além de ser inédita no que toca a Polícia Civil do Distrito Federal.

O trabalho foi orientado pelo professor do Instituto Federal de Brasília Campus Ceilândia, Mauro de Oliveira Alencar e coorientado pelo mestre  em Direito e delegado de Polícia Elder Arms Pedron. O Professor Mauro Alencar salienta que, na defesa do trabalho, a banca examinadora destacou a importância do artigo, pois traziam know how para PCDF. “Ela (Aline) trouxe informação e um conhecimento de suma importância para uma para um momento de implementação mais profunda da tecnologia verde”, comentou o orientador. Palavras reforçadas pelo coorientador: “O trabalho da Aline contribui para o campo científico da sustentabilidade, através de enriquecedora pesquisa de campo a fim de investigar a visão de policiais civis no dia a dia do trabalho”.

Para conhecer mais sobre tecnologia verde e acompanhar a apresentação, artigo será apresentando no dia 26 de novembro, de forma hibrida, às 9h, no auditório Antônio Carlos Magalhães da Interlegis do Senado Federal.  Inscrições pelo site http://seminario-susp.mj.gov.br.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página