Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Portuguese Portuguese
pt Portugueseen Englishes Spanish
Página inicial > Reitoria > Alunos poderão ser selecionados pelo Sisu no segundo semestre
Início do conteúdo da página

Alunos poderão ser selecionados pelo Sisu no segundo semestre

Criado: Segunda, 22 de Março de 2010, 21h00 | Publicado: Domingo, 29 de Novembro de -0001, 20h53 | Última atualização em Quinta, 05 de Dezembro de 2013, 10h22 | Acessos: 3654
Terça-feira, 23 de março de 2010 - 19:36 Universidades federais, estaduais e institutos federais de educação, ciência e tecnologia que têm processos seletivos para ingresso de estudantes no segundo semestre vão poder utilizar o Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O prazo para adesão das instituições ao sistema abrirá no final de abril e permanecerá aberto em todo o mês de maio. Seleção e matrícula dos alunos serão feitas em junho.Algumas instituições já ocuparam vagas para o segundo semestre no processo que acabou este mês. Outras não oferecem ingresso no meio do ano. A decisão de utilizar o Sisu nas que ainda precisam realizar processos seletivos para o segundo semestre caberá aos conselhos universitários de cada instituição. Desta vez, o Sisu terá apenas uma etapa de inscrições. Poderão concorrer os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2009. A partir das inscrições dos alunos, que poderão optar por dois ou três cursos logo neste momento, será gerada uma lista de classificação, por meio da qual as universidades farão suas chamadas - quantas forem necessárias para cada instituição preencher suas vagas."Precisamos, ainda, definir algumas questões operacionais nessa mudança do sistema", explicou a secretária de Educação Superior do MEC, Maria Paula Dallari Bucci. Desde o início da construção do Sisu, técnicos e dirigentes do Ministério da Educação fizeram seis reuniões com reitores de universidades e institutos federais para discutir melhorias no sistema. Segundo Maria Paula, as reuniões com os dirigentes servem para conhecer as demandas das instituições e alinhar as ações. 'As adequações foram sugeridas pelos reitores. São eles os protagonistas do processo; o MEC é o aglutinador", disse. De acordo com a secretária, as 51 instituições participantes do Sisu já sinalizaram sua permanência no novo processo seletivo e muitas querem também ampliar o número de vagas oferecidas por meio do sistema. "Não abrimos mão do Enem e do Sisu como processo seletivo. Buscaremos fazer uma avaliação de todo o sistema para sugerir ajustes operacionais', afirmou o presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), Alan Barbiero. Segundo ele, outras instituições vão passar a utilizar o sistema, como a Universidade Federal do Ceará (UFCE), em seu próximo processo seletivo.Assessoria de Comunicação Social/MEC
registrado em: ,
Assunto(s): nulo
Fim do conteúdo da página