Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Portuguese Portuguese
pt Portugueseen Englishes Spanish
Página inicial > Reitoria > Pró-reitores de Extensão discutem Pronilo em Brasília
Início do conteúdo da página

Pró-reitores de Extensão discutem Pronilo em Brasília

Criado: Quarta, 01 de Dezembro de 2010, 16h18 | Publicado: Quarta, 01 de Dezembro de 2010, 16h14 | Última atualização em Quinta, 05 de Dezembro de 2013, 10h22 | Acessos: 2157

Estão reunidos em Brasília, desde o dia 30 de novembro, os Pró-reitores de Extensão - membros da Coordenação do Fórum de Extensão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Forproext). No encontro, que vai até quinta-feira, 2, está em discussão o Programa Integrado de Extensão “Nilo Peçanha” (Pronilo).

Pró-reitores reunidos para debater o ProniloO Pronilo é uma ação da Rede Federal de Educação Profissional Científica e Tecnológica junto à Setec (Secretaria do Ministério da Educação responsável pela Educação Profissional). O principal objetivo desse programa é fomentar a realização de projetos integrados de extensão comunitária e tecnológica nas instituições federais da Rede.

Com essa ação integrada, o Pronilo quer contribuir para a erradicação do analfabetismo total e funcional por meio de formação profissional; estimular o desenvolvimento econômico, social e tecnológico, tendo como referência os arranjos produtivos locais; promover o acesso e permanência à educação profissional aos menos favorecidos; criar ambientes favoráveis ao desenvolvimento da cultura empreendedora e à inovação tecnológica; e favorecer a transferência de tecnologias no atendimento a setores produtivos com grande convergência e impacto na geração de emprego e renda.

De acordo com Renato Meireles, Pró-Reitor de Extensão do Instituto Federal Sul-rio-grandense e  coordenador do Forproext, “o Programa Pronilo vem para consolidar e institucionalizar a extensão na Rede Federal e atender às demandas da sociedade em sintonia como as políticas públicas. É um programa do presente para uma extensão do futuro.” (Com informações da Assessora de Comunicação do Forproext)

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página