Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Portuguese Portuguese
pt Portugueseen Englishes Spanish
Página inicial > São Sebastião > Empreendimento apoiado pelo NEA recebe viveiro e é premiado em concurso
Início do conteúdo da página

Empreendimento apoiado pelo NEA recebe viveiro e é premiado em concurso

Criado: Quarta, 16 de Dezembro de 2020, 13h42 | Publicado: Quarta, 16 de Dezembro de 2020, 13h42 | Última atualização em Quarta, 16 de Dezembro de 2020, 13h42 | Acessos: 348

A segunda semana de dezembro foi cheia de emoções para a empreendedora Josefa Ataídes e a equipe do Núcleo de Estudos Agroecológicos do IFB-São Sebastião.

 Josefa é egressa da primeira turma do Curso de Formação Inicial e Continuada (FIC) em Viveiricultora. Após a formação no IFB, aliou os conhecimentos ancestrais que possuía em plantas medicinais e em seus preparados (chás, tinturas, xaropes, pomadas, extratos etc.) para gerar renda.

O primeiro passo foi a partir de sua atuação como oficineira. De comunicação fácil e cheia de sabedoria nas palavras, ganhou espaço e passou a ser convidada para ministrar cursos e oficinas sobre plantas medicinais em diversos eventos no Distrito Federal e em vários Estados, algumas dessas ministradas em parceria com os projetos do Campus São Sebastião e no próprio FIC Viveiricultora.

O passo seguinte foi adquirir uma propriedade na comunidade do Capão Comprido em São Sebastião para materializar seu sonho: o Espaço Terapêutico Chá da Terra, onde poderia prosseguir com suas oficinas, mas também atuar na produção de plantas medicinais e na venda de mudas e de seus subprodutos.

O NEA foi importante nesse processo. Por meio do projeto de extensão “Enfrentamento à violência contra as mulheres por meio do empoderamento e qualificação de profissionais viveiristas”, proporcionou suporte à egressa, sob a coordenação da professora Vera Bueno do IFB – São Sebastião, auxiliando-a a estruturar seu negócio por meio de duas ações:

  • apoio à implantação de viveiro para produção de plantas medicinais: Josefa foi contemplada por chamada pública para apoio a empreendimento de viveiricultura para egressas do FIC Viveiricultora; e
  • submissão de proposta para o Primeiro Prêmio de Economia Solidário do Instituto BRB, voltado para empreendimentos coordenados por mulheres: Josefa passou por etapas de capacitação e apresentação de pitch a banca de avaliadores. O Espaço Terapêutico Chá da Terra foi um dos 15 finalistas.

 Todo esse trabalho foi recompensado. Na sexta-feira (11/12), o empreendimento de Josefa ficou entre os 5 premiados, recebendo um capital-semente de R$ 10 mil. O recurso será investido em local para beneficiamento das plantas medicinais produzidas. Vale comentar que entre os 15 finalistas ainda havia o empreendimento Mulheres Biscoiteiras do 15, também apoiado pelo NEA.

Assista à premiação em https://youtu.be/e3leXRJVMzk.

Já no sábado (12/12) houve a inauguração do viveiro do Espaço Terapêutico Chá da Terra, o segundo de egressa do FIC Viveiricultora, que contou com a colaboração de voluntários da comunidade do Capão Comprido, de cursistas do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural e do instrutor Roziron Louzeira. A inauguração contou com a presença do diretor-Geral do IFB – São Sebastião e coordenador do projeto de extensão, Robson Caldas.

“Esperamos que com o espaço a Josefa possa ver seu empreendimento crescer e gerar renda. A experiência também auxiliará o Campus São Sebastião a se especializar no apoio a negócios de base social e ambiental”, observa o Diretor.

Para quem quiser conhecer um pouco mais do Espaço Terapêutico Chá da Terra e o trabalho com plantas medicinais da egressa do FIC Viveiricultura Josefa Ataídes, visite a página no Facebook: https://www.facebook.com/chadaterradf.

Fim do conteúdo da página