Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Recanto das Emas > Docente apresenta pesquisa em Encontro Nacional de Educadores e Pesquisadores da Fotografia e do Cinema
Início do conteúdo da página

Docente apresenta pesquisa em Encontro Nacional de Educadores e Pesquisadores da Fotografia e do Cinema

Criado: Quarta, 24 de Abril de 2019, 10h53 | Publicado: Quarta, 24 de Abril de 2019, 10h53 | Última atualização em Quarta, 24 de Abril de 2019, 15h35 | Acessos: 394

Durante o I Encontro Nacional de Educadores e Pesquisadores da Fotografia e do Cinema, ocorrido em março, na cidade de Alcântara/MA, no Instituto Federal do Maranhão (IFMA), a professora do Campus Recanto das Emas do Instituto Federal de Brasília (IFB) Catarina Doolan apresentou um relato sobre a metodologia de elaboração de aulas que desenvolveu ao longo do 1º semestre de 2018 na disciplina de Práticas Profissionais para o curso integrado em Produção de Áudio e Vídeo, em coautoria com o professor Vinicius Fernandes. O trabalho foi exposto no Grupo de Trabalho intitulado “Metodologias e Métodos de Ensino da Fotografia e do Cinema”.

Relacionando a disciplina com o núcleo de práticas integradoras Recanto do Cinema, o objetivo dos professores foi desenvolver nos alunos as competências de difusão, memória e janela de obras audiovisuais a partir de curadoria e produção de mostras de cinema, utilizando-se dos saberes para além do audiovisual e de disciplinas propedêuticas, como Sociologia e Filosofia, por exemplo.

Durante o processo de ensino-aprendizagem, os alunos basicamente tiveram uma introdução, de cunho explicativo, mas ainda assim faziam algumas tarefas. Os professores organizaram, a princípio, uma mostra para os alunos observarem o processo. Nessas mostras, os discentes já participaram como curadores, avaliando os filmes com estrelas, fazendo observações, a fim de começarem a entender como funcionava uma curadoria.

Depois, os alunos realizaram oficinas para discussão, escolha de temas, filmes, organização e produção de mostras por conta própria, recorrendo às suas reflexões pessoais aliadas aos temas, teorias e conceitos propedêuticos. “A disciplina toda foi ‘mão na massa’. No final, eles elaboraram e executaram suas mostras de cinema”, detalhou a professora Catarina Doolan.

A proposta de metodologia apresentada no evento é que os docentes sejam meros mediadores, orientadores, e que os alunos executem com autonomia o restante, sempre de maneira integradora e interdisciplinar, de forma a atingir outros temas paralelamente. A professora Catarina relata que descobriram, após encerrarem a disciplina, que já existe um método similar desde os anos 90, que é a pedagogia de projetos. “Instintivamente”, a professora afirma, “a gente mais ou menos havia seguido este método de aprendizagem”, finalizou.

Fim do conteúdo da página